Selecção Nacional disparou para uma vitória por 7-1 sobre a Suíça

A vencer pela margem mínima ao intervalo, a Selecção Nacional disparou para uma vitória por 7-1 sobre a Suíça, no segundo jogo no Campeonato da Europa.

Já se esperavam maiores dificuldades frente à Suíça e a falta de acerto na primeira parte, com muito mérito para o guardião helvético, agravou essas dificuldades.

Portugal chegou ao intervalo a vencer por apenas 2-1, com bolas nos ferros e bolas paradas desperdiçadas, e foi esse momento de retempero que trouxe outro esclarecimento.

Após o reatamento, "com mais serenidade e objectividade", como Luís Sénica referiria em conferência de imprensa, os portugueses não demoraram a ampliar para 6-1 e coube a Daniel Oliveira fechar as contas da partida.

No outro jogo do grupo A, que Portugal lidera com seis pontos, a França estreou-se na prova com uma vitória por 6-0 sobre Andorra.

O próximo adversário da Selecção Nacional é a Áustria, mas apenas na quarta-feira. Esta terça, Portugal folga, realizando um apronto no pavilhão do Club Hockey Oleiros, que disponibilizou as suas instalações à Federação de Patinagem de Portugal.

Portugal - Suíça

Campeonato da Europa 2018

Palácio de los Deportes de Riazor, Corunha

Primeira fase - Grupo A - 2ª jornada

Arbitragem de Franco Ferrari e Joseph Silecchia (Itália)

Resultado final: 7-1 (2-1 ao intervalo)

Portugal

Ângelo Girão (gr), Diogo Rafael, Gonçalo Alves (1), Hélder Nunes (1) e João Rodrigues (4) - cinco inicial - Rafa, Henrique Magalhães, Vítor Hugo e Daniel Oliveira (1). Seleccionador: Luís Sénica.

Suíça

Guillaume Oberson (gr), Nino Wyss, Gael Jimenez, Pascal Kissling e Gian Rettenmund (1) - cinco inicial - Marzio Vanina, Patrick Moor, Simon Wuffli e Raphael Rettenmund. Seleccionador: Alejandro Rodriguez.

Marcha do marcador

1-0 por Gonçalo Alves, 2-0 por João Rodrigues, 2-1 por Gian Rettenmund (livre directo), 3-1 por Hélder Nunes, 4-1 por João Rodrigues, 5-1 por João Rodrigues, 6-1 por João Rodrigues, 7-1 por Daniel Oliveira

Acção disciplinar

Cartão azul a Rafa, Nino Wyss e Simon Wuffli.

fonte: FPP - Federação de Patinagem de Portugal